Junho é o mês das festas de São João, conhecidas e adoradas por suas divertidas e apetitosas tradições. Quem nunca recortou bandeirinhas ou nunca dançou quadrilha? Quem nunca assistiu a um casamento caipira e se deliciou comendo um pedaço de bolo?

O mais atrativo nas festas juninas, trazidas pelos portugueses, talvez seja a culinária típica à base de milho, que oferece deliciosas opções para matar a fome enquanto se aprecia a festa ao redor de uma fogueira. Entre as comidas típicas de São João estão a pipoca, a canjica, a pamonha, o bolo de milho, a paçoca, o pé de moleque, o pinhão e, para beber, o quentão.

Algumas dessas delícias, porém, são características da região em que ocorre a festa, ficando restritas àquele lugar, mas festa junina sem o quentão não é a mesma coisa. Aprenda a fazer essa saborosa bebida e entre no clima de uma das festas mais adoradas em todo o Brasil!

Ingredientes:

– 1 garrafa (750 ml) de vinho tinto suave;

– a mesma medida de água;

– 1 xícara (chá) de açúcar;

– 20 cravos da índia;

– 10 paus de canela;

– cascas de duas laranjas;

Modo de preparo:

Em uma panela, leve ao fogo a água, o açúcar, o cravo, a canela e as cascas de laranja. Mexa até dissolver o açúcar. Quando começar a fervura, abaixe o fogo e deixe ferver por 20 minutos.

Acrescente o vinho. Depois que a fervura recomeçar, aguarde mais 5 minutos.

Desligue o fogo, sirva imediatamente e tenha um ótimo “arraiá”!


Existem várias diferenças marcantes de geração para geração, porém, uma coisa nunca muda, crianças não gostam de comer legumes e verduras – que possuem nutrientes importantes no período de crescimento das pessoas.

Uma maneira interessante de fazer os mais novos comerem alimentos saudáveis é o Arroz Verde. Segundo recente matéria do New York Times, o Green Rice (Arroz Verde) é a mistura de espinafre com o arroz comum, o que gera um gosto de ervas muito apetitoso.

A receita é simples: duas xícaras de água, uma xícara cheia de espinafre, meia xícara de folhas de coentro, uma colher de sopa de azeite, uma xícara de arroz e sal a gosto.

Para preparar é só bater o espinafre e o coentro junto com a água no liquidificador, misturar ao arroz e cozinhá-lo normalmente.

Por Thiago Martins

Fonte: New York Times


Mais uma receita típica das festas juninas. O Curau de milho. Essa delícia (que parece um pudim de milho) pode ser enfeitado da maneira que quiser.

Ponha 3 xícaras de milho verde e 1 xícara de água no liquidificador. Bata até ficar parecido com um purê. Retire-o e adicione 4 xícaras e meia de leite. Coe o excesso apertando com uma colher. Coloque a mistura de milho e leite em uma panela e cozinhe em fogo baixo por 20 minutos. Junto com 1 xícara de açúcar e 1 colher de sopa de maisena (cuidado com os grumos). Mexa bem. Por fim, coloque em uma forma untada, deixe esfriar e leve à geladeira até ficar firme. Depois de algumas horas, desenforme e polvilhe com canela (se quiser).

Foto: Site Informação Nutricional

Por Ana Carolina Rocha

Fonte: Rev. Ana maria ed. 55 p. 4 data 17 de junho de 2002


Cansado desses hambúrgueres congelados com gosto de nada? Pegue a receita dessa iguaria, originária dos EUA e disseminada em fast foods, e que pode tornar outro gosto quando feito natural.

Amasse 500 gramas de contrafilé moído e 500g de coxão mole de patinho moído (ambos sem gordura). Faça bola e deixe a espessura que desejar (por volta de 8 bolas com 120 g de cada tipo de carne). Grelhe ou frite as iguarias ( pode ser em chapa, grelha ou frigideira). Tempere com sal e pimenta. Caso você queira um hambúrguer mais temperado, misture a carne moída com um pacote de sopa de cebola antes de fazer as bolas.

Por Ana Carolina Rocha

Fonte: Receita do Livro Dona Benta


A acelga é muito parecida com um repolho, mas é mais azedinho e alongado. Nos é familiar pelo yakissoba, um dos ingredientes do prato.

Nesta receita ela leva o molho branco:

Primeiramente corte com uma faca pequena 1pé de acelga, retire o talo e cozinhe em água fervente com um pouquinho de sal. A parte das folhas é reservado para fazer a salada. Assim que estiverem bem cozidos e macios, disponha-os em refratários e 1 colher de sopa do suco de limão. Cubra com molho branco (farinha de trigo e manteiga dourado na panela, leite fervente aos poucos e noz moscada). E coloque um pouco de queijo ralado (fresco é ainda melhor). Leve ao forno para dourar.

Sirva como acompanhamento de alguma carne mais seca.

Por Ana Carolina Rocha

Fonte: Livro D. Benta p. 249 seção – verduras, legumes e batatas


O bolinho de queijo está no cardápio das festinhas, petiscos e para testar seus conhecimentos tente fazer essa receita bem fácil do magnânimo livro da Dona Benta (aquele que ela aparece com um bolo na mão e o menino debruçado sob ela com as mãos sobre a face de olho na gostosura).

Misture 1/4 de queijo de minas com 4 ovos e junte 1 colher de chá de polvilho; 1 pitada de sal e 1 pitada de noz moscada. Depois, faça bolinhos com as mãos e frite-os em óleo quente. Após dourar bem, retire e coloque no papel absorvente.

Uma receita simples, prática e deliciosa!

Por Ana Carolina Rocha

Fonte: Comer bem, Dona Benta, 76 ed., Ed. Companhia Nacional, São Paulo: 2007 p. 65


A Suíça não é só capital de chocolate, montanhas, bancos e um ótimo lugar para se viver. Lá também se tem uma receita de salada feita com um queijo originário de lá – o gruyére – surgiu na cidade e possui esse nome de massa dura e encorpada ).

Modo de preparo:

Descasque 1 dente de alho, corte ao meio e esfregue no fundo de uma vasilha. Lave e escorra 1 pé de alface lisa, corte em tiras e coloque na vasilha. Corte 100g do queijo suíço em tiras finas e coloque sobre a alface. Até aí muito simples.

Agora, para o molho: coloque 1 colher de sopa de mostarda, 3 colheres de sopa de azeite de oliva extravirgem, 1 colher de vinagre, uma pitada de sal, e pimenta do reino branca – você pode comprar em grãos e acrescentar na hora para ficar mais fresco.

Por Ana Carolina Rocha

Fonte: Livro de Receitas da Revista Cláudia. A grande Cozinha. vol. 8 Saladas, p. 110


Saladas, no inverno, não são pratos muito apreciados, porém essa de roquefort é bem especial e dá para abrir o apetite pois contém radicchio (tipo de chicória), que possui muitos nutrientes e uma leve ação contra a gripe.

Primeiramente lave as seguintes verduras:

– 1cabeça de radacchio;

– 1 de escarola;

– 1 de erva doce;

– 1 nabo.

Depois fatie bem fininho a erva-doce e corte em tiras o restante. Coloque tudo em um prato de servir com metade do nabo. Esfarele o queijo, 100g  de roquefort (queijo francês de ovelha com veios azuis, que são os fungos que são inseridos na maturação do queijo durante três meses), pique 1 colher de sopa de nozes e pistache e junte ás verduras picadas.

Para o molho:

– 1 colher de sopa de mostarda;

– vinagre de maçã a gosto;

– 3 colheres de sopa de vinho do Porto.

Pode decorar com o restante do nabo picado.

Por Ana Carolina rocha

Fontes: Jaimeleroquefort.fr, Livro Cláudia Receitas A Grande Cozinha p. 30 – Saladas 


A raspadinha, aquele gelinho no copo, de acordo com o estudo do professor e fisiologista Paul Laursen, (estudioso sobre o corpo e esportes neozelandês) traz benefícios para atletas.

O superaquecimento do corpo provoca fadiga e atrapalha o desempenho de corredores e a bebida gelada ajuda mais que os coletes que são usados por profissionais. O pesquisador queria uma receita mais rápida e caseira, ele diz que não é como deitar em uma banheira de gelo, mas ajuda.

A receita é bem simples: faça uma calda de 225g de açúcar com 600ml de água fervente. Triture bem o gelo adicione a ele a calda e polpa de fruta ou groselha. Simplesmente coloque no copo e tome.

Por Ana Carolina Rocha

Fonte: Folha de S. Paulo 13 de maio de 2010 . Caderno Equilibrio p. 3


O arroz é um prato típico de nosso país que acompanha o feijão. E nós brasileiros em geral, fazemos uma medida a mais para quem gosta do alimento.

Quando há a sobra uma deliciosa maneira de reaproveitá-la é utilizando como ingrediente de um outro alimento: o bolinho. Nessa variação ele vem com blue cheese (aquele queijinho branco com pintinhas azuis triturado). Aí é só pegar um pouco de:

– arroz;

– blue cheese;

– salsinha picada;

– sal a gosto;

– farinha de trigo (até dar consistência);

– um ovo e misturar bem.

Para ficar mais consistente deixe na geladeira por 2 horas.

Aqueça o azeite ou  óleo e frite. Ponha o papel absorvente e sirva.

Por Ana Carolina Rocha

Fontes: Receitas UOL


A ricota, ingrediente usado em dietas é bem nutritiva e deliciosa. Pode ser usados em temperos, molhos, recheios. Nesta receita ele é o elemento básico da torta.

Para fazer é necessário bater claras de 4 ovos e reserve.

Coloque no liquidificador:

– 2 colheres de sopa de margarina derretida,

– 2 colheres de sopa de maisena,

– 1 lata de leite condensado,

– leite (na mesma medida da lata)

– gotas de essência de baunilha (a gosto).

Bata bem e misture suavemente a clara em neve. Coloque no fundo de uma fôrma retangular meia xícara de chá de uvas passas e despeje a massa. Leve ao forno microondas em potência alta por 10 minutos e prontinho. Sua torta está pronta para ser servida.

Por Ana Carolina Rocha

Fonte: Ana Maria Coleção Cozinha nº3


A festa junina, comemorada em todo o Brasil, em algumas regiões com celebrações mais grandiosas e em outras menos, possui como características os pratos e bebidas que dá vontade de comer o ano inteiro. Um desses pratos é o quentão, uma bebida alcoólica que é servida quente durante o inverno.

Fazer quentão é uma tarefa simples:

– ferver 2 litros de água,

– 1 raíz de gengibre ralada,

– meia xícara de chá de erva-doce,

– 8 paus de canela,

– 1 colher de sopa de cravos-da-índia,

– casca de 1 limão,

– 3 colheres de mel,

– açúcar a gosto.

Depois de fervido, coar os elementos sólidos em um pano. Junte a cachaça, aqueça bem e sirva.

Por Ana Carolina Rocha

Fonte: Revista Coleção Cozinha Ana Maria nº3 Editora Azul


ASAS DE FRANGO COM LIMÃO

Ingredientes:

– 12 asas de frango;

– Suco de limão;

– Mel;

– Ketchup;

– Molho inglês;

– Alecrim;

– Pimenta de cheiro e sal a gosto.

Modo de preparo:

Lave se seque bem o frango.

Pique o alecrim e misture com 5 colheres de limão, 1 colher de sopa de mel, 1 colher de ketchup e 1 de molho inglês.

Despedace a pimenta e junte ao molho, acrescente o sal.

Despeje no frango e deixe repousar por 5 minutos.

Leve ao forno até que estejam bem crocantes.

MOLHO SICILIANO

Ingredientes:

– 10 tomates bem maduros sem pele e triturados;

– 1 berinjela pequena;

– 1 pimentão vermelho;

– 1 cebola;

– 2 dentes de alho;

– 1 colherinha de extrato de tomate;

– Manjericão;

– ½ xícara de azeite;

– 1 colherinha de açúcar;

– sal e pimenta a gosto.

Modo de preparo:

Pique bem os ingredientes inteiros e leve ao fogo com o azeite, refogue bem e acrescente o resto dos ingredientes. Cozinhe até engrossar um pouco e sirva quente.

É delicioso!

Por Daniela Foloni Santoro


Uma receita de petisco, com a copa chegando, finais de campeonato, chamando os amigos para assistir ao jogo: croquete de linguiça com fubá de milho para acompanhar a cerveja!

Pique 300g de lingüiça calabresa bem fininha. Refogue por alguns minutos com óleo, cebola (100g ou uma pequena) e 5 dentes de alho picados (quanto mais picado melhor). Adicione 250ml de leite nessa mesma panela  e coloque 1/3 de 220g de fubá (dá um pouco menos de uma xícara de chá) mexendo sempre em fogo baixo, até ficar em ponto de creme. Coloque a salsinha e tempere com sal (a gosto). Quando estiver mais frio, unte as mãos e enrole empanando mais uma vez no fubá, ovo e depois novamente no fubá. Frite com óleo quente até dourar, coloque em papel absorvente e bom apetite!  

Por Ana Carolina Rocha


Essa receita é para quem é louco por quindim caseiro, como eu, que gosta dele bem molhado e suculento, mas não gosta de perder horas na cozinha.

Ingredientes

  • 1 ½  pacote de coco ralado
  • 1 vidro de leite de coco
  • 1 (sopa) colher de manteiga
  • 500 gramas de açúcar
  • 10 gemas
  • 4 ovos inteiros.

Preparo

  1. Misture o coco ralado com o leite de coco;
  2. Junte os outros ingredientes misturando muito bem;
  3. Deixe repousar por 2 horas. Coloque em forminahs untadas com manteiga e polvilhadas com açúcar cristal;
  4. Leve ao forno quente, em banho-maria, por 30 minutos. Deixe esfriar e desenforme;




CONTINUE NAVEGANDO: